Coluna Seabra Neto

Entrevista: Marcela Neves, da Martalima, fala como presidente da Abap-PE

04 set 2019 por Seabra Neto

A publicitária Marcela Neves, da Martalima, tomou posse no último dia 30 de agosto, como a nova presidente da Associação Brasileira de Agências de Publicidade em Pernambuco – Abap-PE. Ela conduzirá a associação nos próximos dois anos, juntamente com Anamaria Maçães (da BG9 Comunicação) que ocupará o cargo de diretora de Relações Interassociativas; e Juliana Queiroz ficará à frente da Diretoria Administrativo Financeiro. Nesta entrevista exclusiva para a Coluna, Marcela falou sobre os desafios à frente da entidade, dos planos e metas da sua gestão, como também do guia Diretrizes de Compliance – Guia de boas práticas para o mercado publicitário, que foi lançado pela Abap Nacional na ocasião da posse, ocorrida no Tribunal de Contas de Pernambuco (TCE). Saiba mais sobre as novidades da Abap em Pernambuco acompanhando a entrevista:

Seabra Neto – Você está assumindo a presidência da Abap-PE para o Biênio 2019-2021 após ter ocupado, por dois anos, a vice-presidência da associação. Qual a principal mudança entre um cargo e outro, e como você pretende encarar este novo desafio?

Marcela Neves – A principal diferença é a responsabilidade, é “responder pela pasta”. Claro que a diretoria sempre participa, ajuda, opina e divide muita coisa. Mas, pelo cargo, a presidente responde principalmente nos compromissos com a gestão nacional da Abap. Acredito que o desafio é conseguir fazer a diferença, trazer benefícios para o mercado pernambucano e ajudar a entidade na permanente luta pela evolução do nosso negócio.

Seabra Neto – Quais são seus planos e metas à frente da Abap-PE como presidente?

Marcela Neves – O sistema de trabalho da Abap propõe uma unidade entre as ações das regionais. Vamos trazer os projetos que estão sendo desenvolvidos nacionalmente para Pernambuco, sempre no intuito de fomentar a propaganda no nosso estado.

Seabra Neto – Qual será posicionamento da ABAP-PE durante sua gestão em relação ao mercado publicitário e a diretoria nacional da associação?

Marcela Neves – Manteremos a parceria que temos com o Sinapro na condução do Fórum das agências de Pernambuco, onde realizamos mensalmente encontros com os gestores das agências filiadas, sobre temas diversos, sempre com o objetivo de fazer o mercado trabalhar com ética e respeito mútuo entre as agências, além permanecer atualizado em relação às últimas tendências.

Seabra Neto – A nova diretoria da associação em Pernambuco é formada, pela primeira vez, apenas por mulheres. Como você avalia essa iniciativa e pioneirismo?

Marcela Neves – Somos a primeira diretoria composta apenas por mulheres e essa escolha não foi à toa. Temos o propósito de mostrar a importância das mulheres para o setor. Estou muito feliz pela parceria com as minhas diretoras Ana Maçães e Juliana Queiroz, que toparam o desafio de entrar na nossa luta pelo negócio da propaganda. A nossa proposta é mostrar que o nosso segmento tem uma participação feminina expressiva e reforçar a importância da valorização profissional da mulher no mercado de trabalho.

Seabra Neto – Em seu discurso, você falou sobre a fase delicada que o setor de comunicação atravessa em meio a uma crise política e econômica. Como pretende trabalhar essas questões em sua gestão?

Marcela Neves – A nossa intenção será sempre a de construir, trabalhar para que o nosso mercado supere as dificuldades atuais decorrentes da crise econômica que vivemos há mais de cinco anos.

Seabra Neto – Durante a solenidade de posse, a Abap Nacional fez o lançamento do guia Diretrizes de Compliance – Guia de boas práticas para o mercado publicitário. Qual a relevância desta publicação para o negócio da propaganda?

Marcela Neves – Essa publicação traz um guia de boas práticas para o mercado publicitário, incluindo agências, clientes, veículos e anunciantes. Ter uma política de Compliance é uma tendência mundial. As grandes empresas e algumas instituições públicas já exigem que seus prestadores de serviço adotem esse compromisso. Além disso, essas diretrizes buscam um melhor funcionamento das agências, favorecendo a transparência e ética nas relações.

Seabra Neto – Para encerrar, qual a mensagem que você deixaria para o mercado publicitário como a nova presidente da Abap Pernambuco?

Marcela Neves – Acredito que podemos realizar as mudanças que o nosso mercado precisa, valorizando o nosso trabalho, fazendo a diferença no sucesso dos nossos clientes, sendo parceiros comprometidos e entusiasmados com o poder de mobilização da comunicação.

Veja outras notícias da coluna acessando o link:  http://mercadonoar.com.br/categoria/coluna