Coluna Seabra Neto

Entrevista: Mariana Fantato, da Globo, fala sobre o “Prêmio de Mídia 2018”

09 maio 2018 por Seabra Neto

“O ‘Prêmio de Mídia é um projeto que sempre nos aproxima do mercado publicitário. A cada edição, aumenta a nossa satisfação em reconhecer o nível e a qualidade do trabalho realizado pelos mídias e estudantes participantes”. Esse é o sentimento da gerente de Marketing da Globo em Pernambuco, Mariana Fantato, ao falar sobre a premiação que, neste ano, chega a sua 13ª edição. Para contar as novidades do prêmio, que foi lançado recentemente, e dar as dicas de como participar da competição, Mariana concedeu entrevista exclusiva para a coluna de hoje. Acompanhe:

Seabra Neto – A Globo em Pernambuco lançou recentemente mais um Prêmio de Mídia. Quais são as expectativas para esta edição da premiação?

Mariana Fantato – Esperamos continuar engajando os mídias na premiação, valorizando o importante trabalho que esses profissionais desempenham. E, consequentemente, temos a expectativa de aumentar ainda mais o número de inscrições, que crescem a cada ano.

Seabra Neto De acordo com o regulamento do “PDM”, quem pode se inscrever e até quando vão as inscrições?

Mariana Fantato –  Todos os profissionais de mídia do mercado publicitário de Pernambuco podem se inscrever até o dia 13 de junho de 2018.

Seabra Neto – No caso da categoria “Desafio Universitário”, quem pode participar?

Mariana Fantato – Os universitários interessados em concorrer devem se inscrever em duplas. Ambos os alunos devem estar regularmente matriculados e cursando a partir do 3º período do curso de graduação em Publicidade e Propaganda, no estado de Pernambuco.

Seabra Neto –  Além do “Desafio Universitário”, quais são as demais categorias do “PDM”?

Mariana Fantato –  A premiação reúne as categorias “TV”, “Internet” e “Case Integrado. Lembrando que cada concorrente poderá inscrever quantos trabalhos desejar. Já em relação ao Case Integrado”, os mídias devem ficar atentos para inscrever trabalhos veiculados nos meios TV e Internet, de modo que haja integração entre as duas plataformas em uma mesma campanha. Além dessas categorias, temos também o “Mídia do Ano”, que é eleito pelo voto de profissionais da área de atendimento comercial de diversos veículos de comunicação (TVs, rádios, jornais) do Grande Recife.

Seabra Neto –  Qualquer campanha pode participar ou há alguma restrição?

Mariana Fantato –  Para participar, os profissionais devem ter veiculado uma campanha na Globo em Pernambuco entre junho de 2017 e maio de 2018, podendo ser na TV ou internet (Globo.com). Após inscrito, o mídia precisa desenvolver uma defesa técnica de acordo com a categoria escolhida.

Seabra Neto – O júri do PDM sempre reuniu nomes relevantes e expressivos. Você já pode adiantar quem irá julgar os trabalhos desta edição?

Mariana Fantato –  Em 2018, teremos Flávia Toledo, da área de Pesquisa de Comportamento na Globo; Geraldo Leite, da Singular – Mídia & Conteúdo; e Luiz Fernando Vieira, atual VP de Mídia da agência África.

Seabra Neto – Quais são os prêmios que os vencedores levarão para casa nesta edição?

Mariana Fantato – Assim como em 2017, os prêmios deste ano continuarão sendo vale-compras com valores imperdíveis. Com essa mecânica, os vencedores ganham a flexibilidade de gastar com o que preferirem. O “Mídia do Ano” ganha a já tradicional viagem para Fernando de Noronha, com direito a acompanhante. Vale conferir os prêmios de cada categoria: https://premiodemidia.com.br/premiacao.php. 

Seabra Neto –  Quando a Globo em Pernambuco divulgará o resultado da premiação?

Mariana Fantato –  O resultado está previsto para o dia 20 de junho de 2018. Estamos preparando uma festa bem bacana, especial e com muitas surpresas legais, onde serão apresentados os cases vencedores.

Seabra Neto –  Para encerrar, qual o balanço que você faz do “Prêmio de Mídia” ao longo desses 13 anos de realização?

Mariana Fantato –  É um projeto que sempre nos aproxima do mercado publicitário. A cada edição, aumenta a nossa satisfação em reconhecer o nível e a qualidade do trabalho realizado pelos mídias e estudantes participantes. E a gente percebe que o “PDM” já faz parte do calendário anual desse segmento, porque antes mesmo de abrirmos as inscrições, já é habitual o pessoal das agências e os professores cobrarem desde o início, sondarem as novidades de cada edição. Então, é uma premiação que traz um legado extremamente positivo para a Globo e para o mercado.

Veja outras notícias da coluna acessando o link: http://mercadonoar.com.br/categoria/coluna